Informativos TBL

Confira a última edição do informativo
clicando aqui

Edições anteriores

BR-364 continua interditada

| Transportes Bertolini

O Rio Madeira chegou a 18,40 metros neste domingo. Isolada do resto do país, a população do Acre poderá viver dias difíceis, caso as águas do gigante rondoniense continuem subindo.

Maioria dos produtos consumidos pelos acreanos chega pela BR-364, que foi tomada pelas águas do Madeira no final da tarde deste domingo (23).

Dois aviões da Força Aérea Nacional aterrissaram neste sábado (22) no aeroporto de Rio Branco trazendo 18 toneladas de hortifrutigranjeiros. O governo do estado disse, através de seu portal de notícias, que os alimentos deverão abastecer a capital acreana durante uma semana sem alteração de preço.

Agora, com a BR-364 totalmente fechada, a correria aos postos de combustíveis e aos supermercados deverá começar a partir desta segunda-feira (24).

Em Rondônia, um dos municípios mais afetados é Jacy Paraná, localizado a 90 quilômetros de Porto Velho, onde as águas cobrem uma área de 300 metros da rodovia com uma lâmina de 20 centímetros.

Moradores do local reclamam que estão sem ajuda da prefeitura e do governo do estado. As usinas de Santo Antônio e Jirau também não haviam se manifestado no sentido de prestar algum tipo de socorro aos atingidos pela enchente. ¿Os moradores estão se virando como podem¿, afirma o site rondoniaovivo.

Na capital, Porto Velho, equipes do Exército, do Batalhão Ambiental e da Defesa Civil passaram este domingo retirando dezenas de famílias de áreas que haviam sido afetadas pelas águas.

Na área central de Porto Velho o impacto das cheia aumenta diariamente. Toda a região nas proximidades do Rio Madeira está inundada mas pontos distantes até 800 metros, como na Avenida Campos Sales começam a inundar.

A partir da Avenida Farqhuar, no trecho entre Alexandre Guimarães e Almirante Barroso, a única via com acesso à cidade é a Tenreiro Aranha. Mas mesmo nessa via um canal começou a levar as águas para a Rua. A Praça Madeira Mamoré está com mais de 40% tomada pela enchente.